Festas e Eventos

A árvore de Natal do Monte Ingino

A árvore de Natal do Monte Ingino

Todos os anos na época do Natal, a pequena cidade de Gubbio, na região de Úmbria, no norte da Itália, acende uma imensa árvore de Natal, nas encostas do Monte Ingino, que fica adjacente a cidade. A “árvore” não é uma árvore real, mas sim uma simulação em luzes da forma de uma árvore de Natal. A Árvore de Natal do Monte Ingino também chamada Árvore de Natal Gubbio, foi considerada em 1991 pelo Guinness Book of Records como a “A maior árvore de Natal do mundo” .

A árvore tem 750 metros de altura e 450 metros de largura em sua base e consiste em 1000 luzes multicoloridas e 8,5 quilômetros de cabos elétricos. Uma estrela cadente no topo da colina cobre uma área de mil metros quadrados e é composta de 250 luzes. A iluminação pode ser vista até 50 quilômetros de distância. Esta tradição começou quando os moradores de Gubbio decidiram celebrar o Natal de uma maneira diferente e em 1981, a primeira árvore na encosta foi iluminada.

Desde então, na véspera da Festa da Imaculada Conceição, no dia sete de dezembro, a árvore é acesa e permanece assim até sete de janeiro. Na cerimônia de acendimento de 2011, a árvore foi acesa pelo Papa Bento XVI, direto do Vaticano usando um tablet e em 2014 foi a vez do Papa Francisco acender a árvore. Já em 2017, a árvore foi acesa no espaço pelo astronauta italiano Paolo Nespoli, que desde julho está em órbita da Terra, na Estação Espacial Internacional, e a decoração foi dedicada à ciência e aos avanços tecnológicos.

Como toda a parte elétrica da imensa árvore fica permanente no Monte Ingino, três meses antes do acendimento, um comitê especial de voluntários verifica todos os pontos de luzes e os milhares de metros de cabos e desde 2010, uma grande parte da energia necessária para iluminar a árvore é fornecida por células solares. A árvore é vista pela comunidade como a glorificação de seu santo padroeiro, Santo Ubaldo, bispo de Gubbio no século 12 e seus restos mortais estão enterrados na basílica de Santo Ubaldo no topo da colina.

Uma campanha chamada “ADOTE UMA LUZ” é feita para cobrir os custos da energia consumida durante o mês pela árvore, onde as pessoas por um site doam uma quantia simbólica de 10 euros e tem direito a escolher um ponto de luz e colocar seu nome, de algum ente querido ou mesmo uma pequena mensagem.

Fontes: 1 2 3

“Porque as pessoas loucas o bastante para acreditar que podem mudar o mundo, são as que o mudam” – Jack Kerouac

Postagens por esse mundo afora

Visualização: 70 vezes

Obrigado por avaliar. Divulgue nas redes sociais, o que achou! .
Ajude a melhorar nosso conteúdo, informando o que sentiu ao ler este artigo?
  • Fascinado
  • Contente
  • Entediado
  • Indiferente
  • Decepcionado
Clique para adicionar um comentário

Faça um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Festas e Eventos

Me chamo Julio Cesar, e moro no litoral de Santa Catarina. Sou o idealizador do site Magnus Mundi, que tem como objetivo descrever lugares curiosos, estranhos ou inóspitos, bem como lendas, eventos inusitados pelo mundo afora.

Veja mais em Festas e Eventos

Cardrona Bra Fence, curiosa cerca dos sutiãs

Magnus Mundi16 de Abril de 2018

Dragon Escalator, a escada rolante do dragão na China

Magnus Mundi13 de Janeiro de 2018

A celebração de Natal na Rússia

Magnus Mundi22 de dezembro de 2017

A batalha das fogueiras da Holanda

Magnus Mundi20 de novembro de 2017

A casa da abóbora de Kenova

Magnus Mundi31 de outubro de 2017

Rios de sangue da Eid al-Adha, em Bangladesh

Magnus Mundi6 de outubro de 2017

Gävle Goat, a cabra vandalizada da Suécia

Magnus Mundi24 de dezembro de 2016

Dia dos Mortos, quando o México se enche de vida

Magnus Mundi30 de outubro de 2016

Concours de Pare-boues, uma competição inusitada

Magnus Mundi18 de setembro de 2016