Arte

As casas decoradas de Zalipie

As casas decoradas de Zalipie

Zalipie é uma pequena vila no sudeste da Polônia, a 68 quilômetros da capital regional Karków. A vila se tornou mundialmente conhecidas pelas pinturas florais que decoram as casas, muros, pontes, etc… A tradição de decorar o exterior e o interior da casas teve origem no final do século 19, quando fornos antigos foram substituídos por fornos novos com chaminés. Com os fornos antigos dentro de suas casas, havia apenas um buraco no teto por onde a fumaça escapava, sem antes deixar as paredes escurecidas com a fuligem. A fim de cobrir as paredes sujas e feias, as mulheres começaram a pintar as paredes com cal. Mais tarde, essas paredes caiadas de branco tornaram-se um cenário ideal para a dona de casa extravasar seu lado artístico e isso acabou contagiando todas as outras mulheres da região.

Usando composições de flores, as mulheres começaram a dar uma ênfase especial aos novos fogões e depois, pintando guirlanda de flores nos armários e batentes de portas e janelas. E quando não tinha mais parede dentro de casa, começaram a pintar o exterior delas e praticamente tudo estivesse a disposição, como galinheiros, silos, casas de cachorro. Inicialmente, a ornamentação era predominantemente geométrica, com pontos, curvas, círculos, ziguezagues e linhas onduladas. Para conseguir os tons utilizados, elas usaram o que estava disponível, como a própria fuligem, barro e outros materiais junto com o cal e para dar ligamento a mistura, utilizavam leite, açúcar e clara de ovos. Já os pincéis e broxas, eram feitos com cabelo humano ou crina de cavalo.

Zalipie iria passar despercebida como a maioria das pequenas vilas da região se não fosse por um funcionário do aeroporto de Cracóvia, que ficou tão fascinado pelas pinturas das casas que escreveu um artigo em uma revista local no ano de 1905, foi o que bastou para fazer a pequena vila ter destaque no país. A tradição é mantida e a cada ano, na primeira semana após a Festa de Corpus Christi, é realizado um concurso para escolher a casa mais bem decorada. Essa concurso de pintura de casas começou em 1948 e ocorria esporadicamente, mas a partir de 1965, o evento se tornou anual. Atualmente, além de Zalipie, chalés decorados podem ser encontrados nas vilas vizinhas, como Kuzie, Niwka e Klyz. A pintora mais conhecida de Zalipie foi Felicia Curylowa (1904-1974) e, desde sua morte, sua casa de três quartos foi transformado num museu.

As casas decoradas de Zalipie

Crédito da foto

Fonte: 1

“Tudo o que o homem não conhece não existe para ele. Por isso, o mundo tem para cada um o tamanho que abrange o seu conhecimento”. – Carlos Bernardo González Pecotche

Postagens por esse mundo afora

Visualização: 256 vezes

Obrigado por avaliar. Divulgue nas redes sociais, o que achou! .
Ajude a melhorar nosso conteúdo, informando o que sentiu ao ler este artigo?
  • Fascinado
  • Contente
  • Entediado
  • Indiferente
  • Decepcionado

Comentários Facebook

Clique para adicionar um comentário

Faça um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Arte

Me chamo Júlio César e moro em Porto Belo, Santa Catarina. Sou o idealizador do site Magnus Mundi, uma revista digital feita para pessoas que gostam de ler e saber mais profundamente sobre lugares curiosos, estranhos ou inóspitos pelo mundo afora, bem como lendas, eventos e outros assuntos inusitados.

Veja mais em Arte

Jesus sem-teto, a estátua polêmica dos mendigos

Magnus Mundi17 de novembro de 2018

A arte biodegradável do suiço Saype

Magnus Mundi8 de setembro de 2018

Leão Oriental, a maior escultura de madeira do mundo

Magnus Mundi17 de março de 2018

The Kelpies, o monumento aos espíritos da água

Magnus Mundi9 de março de 2018

Michelangelo e a Capela Sistina

Magnus Mundi5 de fevereiro de 2018

Cristo Redentor, o símbolo do Brasil

Magnus Mundi12 de janeiro de 2018

Os desenhos escondidos de Michelangelo

Magnus Mundi12 de novembro de 2017

Colossos de Memnon, as estátuas que cantavam

Magnus Mundi13 de outubro de 2017

Fordite, as joias feitas com tinta

Magnus Mundi16 de setembro de 2017
Scroll Up