Arquitetura

Bierpinsel, o prédio bizarro de Berlim

Bierpinsel, o prédio bizarro de Berlim

Tower Restaurant Steglitz“, como era originalmente chamado, provavelmente é o edifício mais bizarro de Berlim, distrito de Steglitz, na Alemanha. Foi projetado pelos arquitetos Ursulina e Ralf Schüler-Witte, e sua forma, supostamente era para parecer uma casa na árvore, mas acabou sendo apelidado pelos habitantes da cidade de Bierpinsel, algo como “escova de cerveja“, por parecer uma escova desses usadas em restaurante para lavar copos.

A construção do edifício de 47 metros de altura com três andares e aproximadamente 2.000 metros quadrados, começou em 1972 e foi inaugurado em outubro de 1976, e inicialmente planejado para compensar a presença dominante da via expressa abaixo, sendo integrado ao viaduto Joachim Tiburtius, com acesso a uma estação de metrô. Inicialmente foi pintado com tons laranja intenso e vermelho, e atualmente, o prédio exibe várias cores.

O Bierpinsel alojou restaurantes da rede de fast food Wienerwald, cafés e discotecas, mas nenhum negócio instalado durou muito e a rotatividade de empresas que tentaram a sorte no lugar foi constante, e as falências também e em 2002, o lugar fechou as portas definitivamente. Em 2006, foi comprado e os proprietários procuraram investidores para financiar um restaurante, mas sem sucesso. Em abril de 2010, foi aberto um café em seu interior e foi organizado um festival de arte de rua (Turmkunst 2010), e os vários grafiteiros, redecoraram o prédio, cada um com seu estilo.

A prefeitura deu a licença para o festival, impondo a condição que após três anos, o prédio voltasse a cor vermelha original, porém até então o acordo não foi cumprido. Os proprietários alegam que no início de 2011, uma tubulação de água se rompeu, causando danos substancial a torre, e a demora no pagemento da indenização pela companhia de seguros, tem atrasado a reforma e a pintura combinada.

Site oficial do festival: www.turmkunst.de

Fontes: 1 2 3

“Tudo o que o homem não conhece não existe para ele. Por isso, o mundo tem para cada um o tamanho que abrange o seu conhecimento”. – Carlos Bernardo González Pecotche

Postagens por esse mundo afora

Visualização: 452 vezes

Obrigado por avaliar. Divulgue nas redes sociais, o que achou! .
Ajude a melhorar nosso conteúdo, informando o que sentiu ao ler este artigo?
  • Fascinado
  • Contente
  • Entediado
  • Indiferente
  • Decepcionado
Clique para adicionar um comentário

Faça um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Arquitetura

Me chamo Julio Cesar, e moro no litoral de Santa Catarina. Sou o idealizador do site Magnus Mundi, que tem como objetivo descrever lugares curiosos, estranhos ou inóspitos, bem como lendas, eventos inusitados pelo mundo afora.

Veja mais em Arquitetura

O ninho de Quetzalcoatl no México

Magnus Mundi23 de junho de 2018

Os moinhos em cascata de Folón e Picón

Magnus Mundi22 de junho de 2018

Makhunik, a antiga aldeia dos anões

Magnus Mundi18 de maio de 2018

Wat Phra Dhammakaya, o impressionante templo budista da Tailândia

Magnus Mundi11 de abril de 2018

Ilhas Astronautas, as ilhas camufladas da Califórnia

Magnus Mundi4 de abril de 2018

Sentinelas da Bretanha

Magnus Mundi31 de março de 2018

The Wall, a estrutura contra o vento de Fermont

Magnus Mundi19 de março de 2018

Tianducheng: A falsa Paris na China

Magnus Mundi10 de fevereiro de 2018

Seaweed House, as casas de algas da Ilha de Læsø

Magnus Mundi10 de fevereiro de 2018