Bicicletas

Ciclovia que brilha no escuro, inspirada na obra de Van Gogh

Ciclovia que brilha no escuro, inspirada na obra de Van Gogh

O artista e designer holandês Daan Roosegaarde é o responsável por este projeto urbano que pretende iluminar ruas, estradas e ciclovias utilizando uma pintura especial reflexiva. Ainda que possa parecer uma instalação artística, estas brilhantes instalações pertencem a um projeto urbano muito interessante desenvolvido nos Países Baixos que poderia chegar muito cedo a outros países.

Ciclovia que brilha no escuro, inspirada na obra de Van Gogh

No caso das fotos e vídeo que ilustram este artigo, se trata da primeira ciclovia que brilha no escuro, inaugurada em novembro de 2014 em Neuen, na Holanda. O projeto fez parte das celebrações do 125º aniversário da morte do mestre do pós-impressionismo Vincent Van Gogh e foi inspirado em uma das suas obras, Noite Estrelada. A faixa para ciclistas passa pela província de Brabante do Norte, onde o artista nasceu, em 1853.

Ciclovia que brilha no escuro, inspirada na obra de Van Gogh

A ciclovia que brilha também fez parte de uma iniciativa do governo holandês que pretende aumentar ainda mais o uso de bicicletas em jornadas de trabalho. A meta é que o uso cresça mais 20% nos próximos 20 anos. Daan Roosegaarde é bem conhecido por trabalhos que preservam a iluminação no escuro. Ele disse que se inspirou naquelas estrelinhas de plástico fosforescentes que são utilizadas para decorar tetos de quartos de crianças. A pintura especial é carregada por painéis solares durante o dia, para depois brilhar intensamente pela noite.

Ciclovia que brilha no escuro, inspirada na obra de Van Gogh

Ciclovia que brilha no escuro, inspirada na obra de Van Gogh

Ciclovia que brilha no escuro, inspirada na obra de Van Gogh

Ciclovia que brilha no escuro, inspirada na obra de Van Gogh

Ciclovia que brilha no escuro, inspirada na obra de Van Gogh

Ciclovia que brilha no escuro, inspirada na obra de Van Gogh

Ciclovia que brilha no escuro, inspirada na obra de Van Gogh

Fonte: 1

“Verba volant, scripta manent” (As palavras voam, os escritos permanecem)

Postagens por esse mundo afora

Visualização: 1020 vezes

Obrigado por avaliar. Divulgue nas redes sociais, o que achou! .
Ajude a melhorar nosso conteúdo, informando o que sentiu ao ler este artigo?
  • Fascinado
  • Contente
  • Entediado
  • Indiferente
  • Decepcionado

Faça nosso trabalho valer a pena. Deixe seu comentário!

Clique para adicionar um comentário

Faça um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bicicletas

Me chamo Júlio César e moro em Porto Belo/SC. Sou o idealizador do site Magnus Mundi, um site sobre lugares curiosos, estranhos ou inóspitos pelo mundo afora, bem como histórias inusitadas de pessoas, lendas, eventos e outros assuntos interessantes. Feito para as pessoas que gostam de saber mais sobre um determinado assunto que é tratado superficialmente por outros sites do gênero.

Veja mais em Bicicletas

A evolução das bicicletas e as bizarras bicicletas de 1948

Magnus Mundi21 de abril de 2018

Engolido pela natureza

Magnus Mundi1 de outubro de 2016

Pesca de bicicletas nos canais de Amsterdã

Magnus Mundi11 de janeiro de 2016

A bicicleta entre 1815 a 1920

Magnus Mundi19 de novembro de 2015

Mackinac Island, a cidade que proibiu os carros

Magnus Mundi12 de abril de 2015

Magnus Mundi é uma revista digital que tem seu conteúdo voltado para lugares, eventos, artes e histórias inusitadas pelo mundo afora

Copyright © 2015 · OceanSite · Desenvolvimento de website e aplicativos para mobiles

Scroll Up