Exóticos

La Boca, o bairro colorido de Buenos Aires

La Boca, o bairro colorido de Buenos Aires

O bairro de La Boca em Buenos Aires, capital da Argentina é famoso por dois motivos: O estádio de futebol La Bombonera e El Caminito, uma pequena rua só para pedestres, onde artistas e artesãs vendem suas obras e artesanatos e dançarinos de tango fazem shows ao longo da rua, entretendo os visitantes. A casas e prédios da rua são multi coloridas, pintadas em cores chamativas em ambos os lados da rua e é provavelmente uma das imagens mais famosa de Buenos Aires.

La Boca, o bairro colorido de Buenos Aires

Crédito da foto: Luis Argerich/Wikimedia

O bairro tem esse nome “a boca” por está situado na foz do Rio Riachuelo e originalmente, La Boca era um estaleiro. Os trabalhadores portuários que viviam ali eram tão pobres que construíram suas casas usando como materiais de construção, chapas onduladas de metal e outros materiais, reaproveitadas de navios e também pintavam suas casas com tintas que sobravam da pintura dos navios. Como nem sempre havia tinta suficiente da mesma cor para cobrir uma casa inteira, as casas acabavam se tornando multi coloridas. Com o passar dos anos, um porto foi construído na área, e às pessoas indo morar em outros lugares, fazendo o lugar entrar em declínio.

La Boca, o bairro colorido de Buenos Aires

Crédito da foto: Alessandro Grussu /Flickr

O reavivamento de La Boca começou em 1950, quando o artista argentino Benito Quinquela Martín começou a pintar as antigas casas em cores brilhantes, como os trabalhadores pobres faziam. Ele também ergueu um palco improvisado para shows e rapidamente a região se tornou um pequeno refúgio cultural para os artistas de rua.

Atualmente, El Caminito e La Boca é uma lugar com dezenas de vendedores ambulantes vendendo souvenirs e bugigangas de tudo quando é tipo e restaurantes com comida alternativa. Muitas das casas coloridas foram transformadas em galerias de arte. Há várias estátuas espalhadas pela área, feitas de papel machê de pessoas famosas nas sacadas das casas e vários displays pintados com recortes na cabeça, onde as pessoas podem se exibir para fotos, bem como dançarinos de tango que entretém os clientes nos cafés ao ar livre. O bairro é atração durante toda a semana para os moradores da cidade e turistas, mas o bairro continua sendo um dos mais pobres de Buenos Aires e um lugar perigoso para os visitantes após o anoitecer.

La Boca, o bairro colorido de Buenos Aires

Crédito da foto: sandeepachetan.com/Flickr

La Boca, o bairro colorido de Buenos Aires

Crédito da foto: orbitalanarchy / Flickr

La Boca, o bairro colorido de Buenos Aires

Crédito da foto: Paula Soler-Moya / Flickr

La Boca, o bairro colorido de Buenos Aires

Crédito da foto: Xin Qiao / Flickr

La Boca, o bairro colorido de Buenos Aires

Crédito da foto: Joseph Brent / Flickr

La Boca, o bairro colorido de Buenos Aires

Crédito da foto: Andre M / Flickr

La Boca, o bairro colorido de Buenos Aires

Crédito da foto: Rod Waddington/Flickr

La Boca, o bairro colorido de Buenos Aires

Crédito da foto: www.trover.com

La Boca, o bairro colorido de Buenos Aires

Crédito da foto: www.thetouchofsound.com

Fonte: 1

“Tudo o que o homem não conhece não existe para ele. Por isso, o mundo tem para cada um o tamanho que abrange o seu conhecimento”. – Carlos Bernardo González Pecotche

Postagens por esse mundo afora

Visualização: 1097 vezes

Obrigado por avaliar. Divulgue nas redes sociais, o que achou! .
Ajude a melhorar nosso conteúdo! O que achou do artigo??
  • Ótimo
  • Bom
  • Indiferente
  • Poderia ser melhor
Este site é um projeto de um homem só, desenvolvido durante seu tempo livre, por favor, deixe um comentário do que achou do artigo. Ele será muito importante e também estou aberto a críticas construtivas.
Clique para adicionar um comentário

Faça um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Exóticos

Curioso desde sempre, queria um lugar para guardar às curiosidades de lugares e histórias inusitadas que lia em livros ou pela internet e assim nasceu o site Magnus Mundi em 2015. Me chamo Julio Cesar, sou natural de Blumenau e morador de Porto Belo, litoral de Santa Catarina.

Veja mais em Exóticos

La Piedra Del Peñol, um imenso monolito colombiano

Magnus Mundi28 de agosto de 2019

Lago de Monet, a lagoa onde a arte ganha vida

Magnus Mundi23 de agosto de 2019

A cratera de Al Wahaba na Arábia Saudita

Magnus Mundi10 de agosto de 2019

Ponte De Le Tette, a Ponte dos Seios de Veneza

Magnus Mundi6 de agosto de 2019

Scheendijk, as ilhas estreitas em Loosdrecht, na Holanda

Magnus Mundi23 de julho de 2019

Passadiços do Paiva, uma caminhada pela natureza

Magnus Mundi11 de julho de 2019

McGuire Irish Pub, o pub irlandês de um milhão de dólares

Magnus Mundi1 de junho de 2019

Salar de Uyuni, o grande deserto de sal

Magnus Mundi2 de maio de 2019

Cuexcomate, o umbigo do diabo

Magnus Mundi30 de abril de 2019

Magnus Mundi é uma revista digital que tem seu conteúdo voltado para lugares, eventos, artes e histórias inusitadas pelo mundo afora

Copyright © 2015 · OceanSite · Desenvolvimento de website e aplicativos para mobiles

Scroll Up