A mariposa, pertencente à família Urodidae, tece um dos casulos mais estranhos e belos do mundo dos insetos, ao contrário de outros casulos que envolvem a pupa completamente em seda. Para completar o processo de metamorfose, os casulos dessa espécie têm um design parecido com o de um malha grossa aberta, com uma saída na parte inferior, e fica pairado como um pêndulo em um longo fio de seda, conectado com a parte inferior de uma folha.

O casulo perfeito

Estas lagartas habitam, em grande parte, as regiões do mundo onde há abundância de chuva, como a floresta amazônica. A malha, como estrutura do casulo, permite que a água da chuva não fique acumulada no casulo, criando um escape, para evitar correr o risco de afogamento. A cadeia longa de seda, por outro lado, ajuda a protegê-la contra as formigas que tentam invadir o casulo. A calha na parte inferior proporciona um escape para a mariposa, quando o processo estiver quase completo. O casulo em si, tem um tom alaranjado brilhante, com teve toque dourado, sendo um dos mais belos que existem.

O casulo perfeito

O casulo perfeito

O casulo perfeito

O casulo perfeito

Fonte: 1 2

Postagens por esse mundo afora

Visualização desde 2014: 1646 vezes

Obrigado por avaliar. Divulgue nas redes sociais, o que achou! .
Ajude a melhorar nosso conteúdo! O que achou do artigo??
  • Ótimo
  • Bom
  • Indiferente
  • Poderia ser melhor
Ajude a melhorar o conteúdo do site. Deixe um comentário

Sobre o Autor

Curioso desde sempre, queria um lugar para guardar às curiosidades de lugares e histórias inusitadas que lia em livros ou pela internet e assim nasceu o site Magnus Mundi em 2015. Me chamo Julio Cesar, sou natural de Blumenau e morador de Porto Belo, litoral de Santa Catarina.

Você pode gostar de ver isso

Uma Resposta

Faça um comentário

Seu email não será publicado