Exóticos

Passarela do medo no Portão Celestial

Passarela do medo no Portão Celestial

Uma passarela com fundo de vidro inaugurada na China em novembro de 2014, testa os nervos dos turistas que gostam de sentir um frio na espinha e está localizada na “Zhangjiajie Tianmen Mountain National Forest Park“. A passarela possui 90 centímetros de largura e 61 metros de extensão, com piso e guarda-corpo de vidro e rodeia a montanha Tianmen que literalmente significa “Portão Celestial”, próximo à cidade de Zhangjiajie, na província de Hunan (centro-sul do país), a 1.430 metros acima do nível do mar. O Parque Nacional Tianmen é tombado como patrimônio mundial da Unesco. O lugar inspirou James Cameron em seu filme Avatar de 2010, no cenário da natureza do planeta de Pandora.

O vidro da passarela é multi laminado com 63,5 milímetros de espessura, que proporcional segurança e permite uma vista deslumbrante da paisagem abaixo. Para manter o vidro livre de arranhões e sujeira, é dado aos visitantes um par de meias para que se coloquem sobre os sapatos. Para chegar a passarela, foi construído um teleférico com sete quilômetros de extensão, o qual os construtores acreditam ser o mais longo do mundo, mas se não quiser ir de teleférico, poderá utilizar as escadas rolantes que se estendem por vários quilômetros por dentro da montanha, até o topo.

A 150 metros dali tem outra passarela de concreto com um metro de largura, no monte Shifou e tem três quilômetros de extensão e é a mais longa da China.

A passarela na montanha Tianmen é uma versão mais segura e melhorada de um outro caminho perigoso, feito de tábuas de madeira simples sobre o lado da montanha Huangshan em uma das províncias da China.

passarela-em-montanha_chinesa-001

passarela-em-montanha_chinesa-002

passarela-em-montanha_chinesa-003

passarela-em-montanha_chinesa-005

passarela-em-montanha_chinesa-006

passarela-em-montanha_chinesa-007

passarela-em-montanha_chinesa-008

passarela-em-montanha_chinesa-009

passarela-em-montanha_chinesa-004a

passarela-em-montanha_chinesa-004

Imagens da construção

trabalhadores-chineses-em-montanha_11

trabalhadores-chineses-em-montanha_12

trabalhadores-chineses-em-montanha_01

trabalhadores-chineses-em-montanha_13

trabalhadores-chineses-em-montanha_02

trabalhadores-chineses-em-montanha_14

trabalhadores-chineses-em-montanha_03

trabalhadores-chineses-em-montanha_04

trabalhadores-chineses-em-montanha_05

trabalhadores-chineses-em-montanha_06

trabalhadores-chineses-em-montanha_07

trabalhadores-chineses-em-montanha_08

trabalhadores-chineses-em-montanha_09

Fonte: 1 2

Postagens pelo mundo

Visualização: 783 vezes

Obrigado por avaliar. Divulgue nas redes sociais, o que achou! .
Ajude a melhorar nosso conteúdo, informando o que sentiu ao ler este artigo?
  • Fascinado
  • Contente
  • Entediado
  • Indiferente
  • Decepcionado
Clique para adicionar um comentário

Faça um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Exóticos

Me chamo Julio Cesar, e moro no litoral de Santa Catarina. Sou o idealizador do site Magnus Mundi, que tem como objetivo descrever lugares curiosos, estranhos ou inóspitos, bem como lendas, eventos inusitados pelo mundo afora.

Veja mais em Exóticos

Carmel, a cidade de contos de fadas

Magnus Mundi9 de setembro de 2018

Skull Rock, a ilha da caveira da Austrália

Magnus Mundi1 de julho de 2018

Gocta, a catarata escondida do Peru

Magnus Mundi15 de junho de 2018

Ko Panyi, aldeia flutuante da Tailândia

Magnus Mundi26 de maio de 2018

El Totumo, diversão na lama vulcânica

Magnus Mundi25 de maio de 2018

Cardrona Bra Fence, curiosa cerca dos sutiãs

Magnus Mundi16 de abril de 2018

Santuário de Las Lajas, a igreja do abismo

Magnus Mundi23 de março de 2018

Ilhas Trobriand, as ilhas do amor do Oceano Pacífico

Magnus Mundi20 de março de 2018

Chimi Lhakhang, o templo dedicado ao pênis

Magnus Mundi18 de março de 2018