Engenharia

A Ponte circular de Copenhague

A Ponte circular de Copenhague

A ponte “Cirkelbroen“, que em dinamarquês significa “ponte circular” é um novo ponto de referência da cidade de Copenhague, na Dinamarca e foi inaugurada em agosto de 2015. A construção foi doada ao município pela Fundação Nordea, e idealizada pelo artista Ólafur Elíasson e tem como objetivo ser um verdadeiro espaço urbano, voltada apenas à passagem de pedestres. A ponte atravessa o canal Christianshavn e conecta a área de Christiansbro com Applebys Plads. A Cirkelbroen cria novos espaços no ‘waterfront’ da cidade, aproxima o mar e encoraja quem o atravessa a diminuir o passo e pausar a caminhada, e a ponte permitirá que ciclistas pedalem com mais facilidade e pedestres caminhem ou corram sem problemas.

cirkelbroen-bridge-001

A ponte tem 40 metros de comprimento, feita a partir de cinco plataformas circulares interligadas de vários tamanhos, cada uma com seu próprio “mastro”, uma referência aos barcos que navegam pelas vias navegáveis de Copenhague. A ponte é sustentada pelos vários fios tensionados que se conectam à periferia dos círculos a um mastro central e uma parte da ponte a partir do mastro maior pode ser rotacionada para o lado e assim abrir o canal para permitir que grandes barcos possam entrar ou sair. Barcos menores, como caiaques passam tranquilamente por baixo das plataformas circulares.

cirkelbroen-bridge-009

cirkelbroen-bridge-002

cirkelbroen-bridge-003

cirkelbroen-bridge-004

cirkelbroen-bridge-005

cirkelbroen-bridge-005a

cirkelbroen-bridge-006

Fontes: 1 2

Créditos das fotos: Anders Berg Sune e Fundação Nordea

Faça nosso trabalho valer a pena! O seu comentário é o que nos move.

Postagens por esse mundo afora

Visualização: 194 vezes

Obrigado por avaliar. Divulgue nas redes sociais, o que achou! .
Ajude a melhorar nosso conteúdo, informando o que sentiu ao ler este artigo?
  • Fascinado
  • Contente
  • Entediado
  • Indiferente
  • Decepcionado
Clique para adicionar um comentário

Faça um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Engenharia

Me chamo Julio Cesar, e moro no litoral de Santa Catarina. Sou o idealizador do site Magnus Mundi, que tem como objetivo descrever lugares curiosos, estranhos ou inóspitos, bem como lendas, eventos inusitados pelo mundo afora.

Veja mais em Engenharia

Devil’s bridge, as pontes do diabo na Europa

Magnus Mundi9 de julho de 2018

Os moinhos em cascata de Folón e Picón

Magnus Mundi22 de junho de 2018

A ponte ferroviária El Infiernillo no Peru

Magnus Mundi9 de junho de 2018

Ilhas Astronautas, as ilhas camufladas da Califórnia

Magnus Mundi4 de abril de 2018

The Wall, a estrutura contra o vento de Fermont

Magnus Mundi19 de março de 2018

Cristo Redentor, o símbolo do Brasil

Magnus Mundi12 de janeiro de 2018

As barragens de kauri da Nova Zelândia

Magnus Mundi16 de setembro de 2017

Mail Rail, o correio subterrâneo de Londres

Magnus Mundi11 de agosto de 2017

Xian Ming Wall, às muralhas de Xian

Magnus Mundi8 de abril de 2017