Abandonados

Houtouwan, a vila de pescadores abandonada na China

Houtouwan, a vila de pescadores abandonada na China

O homem e a natureza são muitas vezes retratados em desacordo um com o outro: à medida que os arranha-céus sobem, as árvores caem. Mas às vezes o mundo tem planos diferentes. Depois que uma pequena vila pesqueira no leste da China foi abandonada, a vegetação assumiu o controle. Agora a vila na encosta se tornou uma atração turística para o que parece ser um jardim de topiaria arquitetônica.

As ilhas de Gouqi e Sengshan pertence a um grupo de cerca de 400 ilhas conhecidas como ilhas Shengsi, e formam um parte do arquipélago Zhoushan, localizado na foz do rio Yangtzé, baía de Hangzhou, a cerca de 65 quilômetros de Xangai. É o maior arquipélago do país e declarado como Área Nacional de Cênicas da China. Apesar da quantidade de ilhas na região, apenas dezoito delas são habitadas.

Por anos, as ilhas Shengi dependia exclusivamente de sua indústria pesqueira, sendo a maior região de pesca da China, mas atualmente com o desenvolvimento de outras áreas, a base econômica da região tem mudado e se diversificado bastante. Construção naval, transporte, indústria leve, turismo e serviços tem crescido ano a ano e contribuindo muito na produção econômica local.

Houtouwan, a vila de pescadores abandonada na China

Crédito da foto: TANG YUHONG

Shengshan é a ilha mais oriental e, juntamente com a vizinha ilha Gouqi, são famosas pelos seus frutos do mar, e possuem uma das maiores fazendas de peixes da China. A ilha de Shegshan, é ligada a ilha de Gouqi por uma ponte com cerca de cem metros de extensão. As duas ilhas são o lar de milhares de habitantes, e devido ao terreno montanhoso estão espalhados em pequenas vilas pelas encostas. De todas as vilas, Houtouwan na ilha de Shengshan, teve altos e baixos momentos no decorrer de sua história, e apesar de ter sido abandonada há vinte anos, conseguiu transformar naturalmente a decadência em atração.

A vila de Houtouwan prosperou por décadas e em seu auge estima-se que chegou a ter mais de dois mil moradores. Mas com o passar dos anos, à medida que os barcos de pesca se tornaram maiores, o minusculo porto da vila não podia mais competir com outros em melhores condições. Outro agravante era que a única maneira de os moradores entrarem e saírem da vila, quando o mar estivesse em condições ruins, era um pequeno caminho sinuoso pela encosta. Na década de 1990, seus moradores começaram a mudar, cansados das dificuldades impostas pelo difícil acesso as suas casas, a falta de trabalho e de melhores condições de vida.

Sem ninguém morando nas casas, a natureza ao longo do tempo, transformou o lugar num jardim exuberante, devido ao clima subtropical quente e úmido, tendo uma temperatura média anual de 15,8 °C. A vila abandonada foi coberta com uma vegetação densa e uniforme e isso está atraindo cada vez mais visitantes para o lugar.

Com a divulgação na internet das imagens da vila abandonada e tomada pela natureza, muitos ex moradores estão retornando as suas casas, ganhando o sustento com os turistas, como é o caso de Sun Yue, pescador de 59 anos que vive em uma casas recoberta de hera, sem eletricidade e água potável, mas feliz em morar num lugar tranquilo e em contato com a natureza, e servindo de guia para os turistas.

Houtouwan, a vila de pescadores abandonada na China

As ilhas de Gouqi e Sengshan | Crédito da foto

Houtouwan, a vila de pescadores abandonada na China

Foto de julho de 2015 | Crédito da foto

Houtouwan, a vila de pescadores abandonada na China

Crédito da foto: TANG YUHONG

Houtouwan, a vila de pescadores abandonada na China

Crédito da foto: TANG YUHONG

Houtouwan, a vila de pescadores abandonada na China

Crédito da foto: TANG YUHONG

Houtouwan, a vila de pescadores abandonada na China

Crédito da foto: TANG YUHONG

Houtouwan, a vila de pescadores abandonada na China

Crédito da foto: TANG YUHONG

Houtouwan, a vila de pescadores abandonada na China

Crédito da foto: TANG YUHONG

Houtouwan, a vila de pescadores abandonada na China

Crédito da foto: TANG YUHONG

Houtouwan, a vila de pescadores abandonada na China

Crédito da foto: TANG YUHONG

Houtouwan, a vila de pescadores abandonada na China

Crédito da foto: TANG YUHONG

Houtouwan, a vila de pescadores abandonada na China

Foto de julho de 2015 | Crédito da foto

Houtouwan, a vila de pescadores abandonada na China

Foto de julho de 2015 | Crédito da foto

Houtouwan, a vila de pescadores abandonada na China

Foto de julho de 2015 | Crédito da foto

Publicado originalmente em junho de 2015

Fonte: 1 2

Postagens por esse mundo afora

Visualização: 1048 vezes

Obrigado por avaliar. Divulgue nas redes sociais, o que achou! .
Ajude a melhorar nosso conteúdo, informando o que sentiu ao ler este artigo?
  • Fascinado
  • Contente
  • Entediado
  • Indiferente
  • Decepcionado

Faça nosso trabalho valer a pena. Deixe seu comentário!

Clique para adicionar um comentário

Faça um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abandonados

Me chamo Júlio César e moro em Porto Belo/SC. Sou o idealizador do site Magnus Mundi, um site sobre lugares curiosos, estranhos ou inóspitos pelo mundo afora, bem como histórias inusitadas de pessoas, lendas, eventos e outros assuntos interessantes.

Veja mais em Abandonados

Burj Al Babas, a cidade dos castelos abandonados

Magnus Mundi27 de janeiro de 2019

Sunken Cemetery, na ilha de fogo

Magnus Mundi2 de janeiro de 2019

Taylor Camp, o paraíso perdido hippie do Havaí (NSFW)

Magnus Mundi31 de dezembro de 2018

Craco, uma cidade italiana abandonada

Magnus Mundi30 de dezembro de 2018

As bibliotecas perdidas de Chinguetti

Magnus Mundi5 de dezembro de 2018

Castelo de Čachtice, o castelo da condessa sanguinária

Magnus Mundi1 de dezembro de 2018

Ilha Hashima, a ilha fantasma do Japão

Magnus Mundi28 de novembro de 2018

Castaway Depots, os depósitos de sobrevivência da Nova Zelândia

Magnus Mundi11 de outubro de 2018

A floresta fantasma de Neskowin

Magnus Mundi10 de outubro de 2018

Magnus Mundi é uma revista digital que tem seu conteúdo voltado para lugares, eventos, artes e histórias inusitadas pelo mundo afora

Copyright © 2015 · OceanSite · Desenvolvimento de website e aplicativos para mobiles

Scroll Up