“Les Eyzies de Taynac” é uma pequena cidade da comunidade de Dordogne, no sudoeste da França, que a primeira vista parece estar sendo esmagada por uma imensa rocha. A região está repleta de inúmeras grutas, cavernas e habitações rupestres, cuja história remonta a mais de 28000 anos. Até o início de 1900 Les Eyzies de Tayac era simplesmente conhecida como “Tayac” e uma das vilas mais antigas na região de Dordogne.

A pequena cidade de Les Eyzies de Taynac e suas cavernas

As cavernas pré-históricas ao redor de Les Eyzies de Tayac contém alguns dos achados arqueológicos mais significativos do paleolítico superior (de cerca de 40000 a 10000 anos atrás) e paleolítico médio (200000 a 40000 anos atrás), períodos que incluem, além de esqueletos, ferramentas, pingentes e joias e desenhos em paredes. A área é visitada por milhares de turistas todos os anos. As cavernas Eyzies-de-Tayac estão entre uma série de grutas na região, que foram tombadas como Patrimônio Mundial da UNESCO em 1979.

A pequena cidade de Les Eyzies de Taynac e suas cavernas

Durante o séculos 8 e 9 a vila provavelmente era bastante povoada, como mostram as numerosas habitações escavadas na pedra e a presença de edifícios fortificados contra os invasores vikings. As falésias estão cheias de postos de observação e câmaras artificiais cortadas nas pedras.

Há dezenas de cavernas e grutas para visitar em Les Eyzies, incluindo numerosas fortalezas medievais construídos nas rochas, uma igreja fortificada e muitos museus. Les Eyzies contém cerca de 150 sítios pré-históricos que datam do paleolítico e cerca de 25 cavernas com as paredes decoradas com pinturas pré históricas.

A pequena cidade de Les Eyzies de Taynac e suas cavernas

O “Grotte de Font-de-Gaume”, uma gruta nos arredores de Les Eyzies, tem mais de 200 pinturas e gravuras de bisões, cavalos, mamutes e renas, bem como algumas figuras humanas estilizadas. As pinturas multi-coloridas datam da era Magdelenian, cerca de 17.000 anos atrás. O abrigo de “Laugerie Basse” é outro abrigo de pedra que foi ocupado mais de 17.000 anos atrás. Sabe-se que um grande número de ferramentas e artefatos foram descobertos no local, incluindo uma escultura de um cavalo e outro de uma figura feminina.

A pequena cidade de Les Eyzies de Taynac e suas cavernas

Também há o abrigo de Cro-Magnon, onde em 1868 na construção de uma estrada de ferro, foi descoberto um abrigo na rocha em um penhasco de calcário e ao ser escavado, revelou os restos de quatro esqueletos adultos, uma criança e alguns ossos fragmentados. O estado e a colocação de enfeites, incluindo pedaços de concha e dente de animais no que parece ter sido pingentes ou colares, levou os pesquisadores a pensar que os esqueletos foram intencionalmente enterrado em uma única sepultura no abrigo.

A pequena cidade de Les Eyzies de Taynac e suas cavernas

Abrigo de Cro-Magnon

Os Cro-Magnons foram uma população primitiva de Homo sapiens, seres humanos que viveram no período paleolítico superior (de aproximadamente 40 mil até cerca de 10 mil anos atrás) na Europa. Ainda é difícil precisar onde os cro-magnons se situam na escala da recente evolução humana, mas eles tinham uma cultura que produziu uma variedade de ferramentas sofisticadas, como arpões, anzóis, lanças, cinzéis e ferramentas feitas de ossos. Aparentemente, eles também faziam utensílios para alisar e raspar couro.

O abrigo do Cro-Magnon e vários outros locais, no entanto, foram fechados ao público para a preservação histórica.

A pequena cidade de Les Eyzies de Taynac e suas cavernas

A pequena cidade de Les Eyzies de Taynac e suas cavernas

A pequena cidade de Les Eyzies de Taynac e suas cavernas

A pequena cidade de Les Eyzies de Taynac e suas cavernas

A pequena cidade de Les Eyzies de Taynac e suas cavernas

A pequena cidade de Les Eyzies de Taynac e suas cavernas

A pequena cidade de Les Eyzies de Taynac e suas cavernas

A pequena cidade de Les Eyzies de Taynac e suas cavernas

A pequena cidade de Les Eyzies de Taynac e suas cavernas

Fonte: 1 2

“Verba volant, scripta manent” (As palavras voam, os escritos permanecem)

Postagens por esse mundo afora

Visualização: 656 vezes

Obrigado por avaliar. Divulgue nas redes sociais, o que achou! .
Ajude a melhorar nosso conteúdo! O que achou do artigo??
  • Ótimo
  • Bom
  • Indiferente
  • Poderia ser melhor
Ajude a melhorar o conteúdo do site. Deixe um comentário

Sobre o Autor

Curioso desde sempre, queria um lugar para guardar às curiosidades de lugares e histórias inusitadas que lia em livros ou pela internet e assim nasceu o site Magnus Mundi em 2015. Me chamo Julio Cesar, sou natural de Blumenau e morador de Porto Belo, litoral de Santa Catarina.

Você pode gostar de ver isso

Faça um comentário

Seu email não será publicado