Colossus de Apeninos, o deus Apenino

Postado por

Dentro dos jardins da antiga Villa Medicea di Pratolino, mais tarde nomeado para Villa Demidoff, na cidade de Pratolino, à 12 quilômetros ao norte de Florença, na Itália, uma gigantesca escultura épica de um homem coberto de lama e líquens de 14 metros de altura, construído na metade do século 16 e chamada de Colosso dell’ Appennino, ou Colossus de Apeninos, que segundo historiadores, é a representação do deus Apenino, e uma espécie de símbolo que representa a magnitude da cordilheira dos Apeninos, que se estende ao longo da costa leste e da parte central da Itália. A enorme estrutura foi erguida entre 1579 a 1583 pelo escultor italiano Jean de Boulogne, conhecido como Giambologna. A escultura do homem, como se recentemente tivesse saído da lagoa, ainda escorrendo lama e algas,  é o guardião dela e está numa posição vigilante e serena, empoleirado no topo de uma formação de pedras e com uma das mãos apoiada sobre a cabeça de um dragão e demonstra uma conexão entre o homem e a natureza. O Dragão foi acrescentado na escultura pelo artista Giovan Battista Foggini no século 17. O Colossus de Apeninos tornou-se Patrimônio da UNESCO em 2013.

colossus-de-apelinos_001

Originalmente, a figura colossal estava no meio a uma série de outras estátuas de bronze, muitas das quais foram perdidas ou roubadas no decorrer dos anos. A estrutura do colosso construído de tijolo e pedra resistiu por séculos e o parque que a escultura está localizada, foi construído como um presente para a amante e futura esposa, a veneziana Bianca Capello, pelo duque italiano Francesco I de Médici, e a ideia do parque era que fosse um imenso cenário de contos de fadas.

colossus-de-apelinos_000

A colossal estátua traz um segredo em seu interior. O artista projetou uma series de túneis e cavernas e na cabeça do gigante foi planejado uma sala com lareira e a fumaça expelida sairia pelas narinas do gigante. A verdadeira vila dos Médici foi demolida em 1822, e a propriedade adquirida em 1872, por uma família de origem russa, os Demidoff. O parque, embora desordenado e espoliado ao longo dos séculos, é um dos mais belos e vastos de toda a Toscana, encontrando-se entre os mais importantes no estilo de jardins à inglesa.

colossus-de-apelinos_009

colossus-de-apelinos_013

Villa Medicea di Pratolino

colossus-de-apelinos_002

colossus-de-apelinos_003

colossus-de-apelinos_004

colossus-de-apelinos_005

colossus-de-apelinos_006

colossus-de-apelinos_007

colossus-de-apelinos_008

colossus-de-apelinos_010

colossus-de-apelinos_011

colossus-de-apelinos_012

Fonte: 1 2 

“Verba volant, scripta manent” (As palavras voam, os escritos permanecem)

Postagens por esse mundo afora

Visualização: 3797 vezes

Obrigado por avaliar. Divulgue nas redes sociais, o que achou! .
Ajude a melhorar nosso conteúdo! O que achou do artigo??
  • Ótimo
  • Bom
  • Indiferente
  • Poderia ser melhor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll Up ©2020 OceanSite - Desenvolvimento de sites e aplicativos